21 de out de 2010

Orango tango.

Sonhei que estava indo para uma excursão, junto com a Amanda, Mariana e mais um pessoal do meu curso de hotelaria. O ônibus era parecido com a de escolas americanas, amarelos, grandes com a porta que abre para o lado, não para fora.



O motorista foi passando pelas ruas e tal, e em fim chegamos perto de nosso destino, paramos em uma lanchonete um bar, sei lá o era aquilo. E na parede do lado de fora, tinham vários tipos de pássaros em poleiros. Só que eu não ouvia canto nem movimento dos mesmos. Observando mais de perto, reparei que essas espécies não eram comum da região, e eram raros. De certo modo, fiquei injuriada com a atitude de quem tinha deixado eles ali e assim. Uma das espécies em extinção, tinha penas brancas, e olhos de botão. Comecei a esbravejar na frente do estabelecimento. E adivinha quem sai de dentro? Meu tio Carlão.

 
Sim! ele parece o shrek. UHSAUHAUSHAS


Ai ele me explicou que os pássaros que estavam lá eram pássaros que tinham morrido, e estavam na floresta pelo chão. Para poder ganhar dinheiro e sem prejudicar o meio ambiente, ele pegou e empalhou os pássaros.


Voltamos para o ônibus e continuamos a viagem. Mas acima pela estrada a professora que estava com o grupo quis descer para pegar um ramo de flor que estava em um canteiro, o motorista parou e abriu a porta. A professora desceu e ficou parada. Ficamos curiosos e fomos à janela ver o que estava acontecendo, havia 2 orangotango centados na frente dela. Por incrível que pareça eram muiiiiito agressivos. Ela deu três passos para trás, e conseguiu entrar no ônibus novamente e o motorista fechou a porta. Vieram na direção dela, mas não alcançaram. Esperamos por um tempo até eles se afastarem. Subimos algumas rampas circulares. Depois descemos e tudo ficou preto.


Vai entender né? São os sonhos da Helora xDD


Nenhum comentário: